Sou a Ana Filipa, tenho 35 anos e sou de Viseu.

dezembro 21, 2016

Em jeito de balanço....

Muitas mudanças, muita mágoa, muita coisa com que foi difícil lidar.
Voltaria a estar nos mesmos lugares, com as mesmas pessoas e voltaria a dar de mim o que dei.

Este ano trouxe e levou pessoas. Cheguei à conclusão que tenho muitos conhecidos e muito poucos amigos. A amizade faz-se de presenças e não de redes sociais. Às vezes, dizer que estamos lá para o que for preciso não vale nada: é preciso realmente estar. Gostar não basta. Não tenho problema nenhum em ceder (nunca tive). Por um lado, é bom, por outro pode doer um bocado. E depois é preciso lamber feridas e esperar que o tempo as cure. Olhar para as cicatrizes e perceber que elas não nos destruíram e que, bem pelo contrário, até nos deram um brilho novo.

O ano de 2016 não foi fácil. 

Para 2017, o que desejo é que quem chegou queira ficar e que quem esteve sempre comigo continue a estar. Que eu consiga fazer das fraquezas forças e que mesmo nos dias mais cinzentos eu consiga ver o sol.

Bom Natal e Feliz Ano Novo para todos!

Sem comentários:

Enviar um comentário